Sobre nós

Membro do Grupo Fiscal do Brasil, conjunto de empresas que atuam na área tributária, a Dr. Fiscal foi criada para garantir saúde e segurança tributária aos pequenos negócios. Propósito esse que tem sido cumprido com sucesso.

Hoje, a marca é referência em soluções tributárias para pequenas empresas, transformando, a partir de sua expertise, a forma como elas lidam com seus impostos.

Realizando cruzamentos entre o banco de dados de seus clientes e a sua plataforma tecnológica própria, a qual conta com 5 milhões de regras fiscais e mais de 32 milhões de produtos cadastrados, a Dr. Fiscal permite às pequenas empresas do Simples Nacional e Lucro Presumido a chance de corrigir erros fiscais, ter mais conformidade no processo de declaração tributária e ainda recuperar valores que tenham sido indevidamente pagos a mais em impostos.

Uma verdadeira disrupção no mercado fiscal brasileiro e, principalmente, na vida dos pequenos negócios!

A Dr. Fiscal é uma das marcas do Grupo Fiscal do Brasil, empresa contábil, inscrita no CRC/RS sob n. 7538/O.

Vigilância, Segurança e Limpeza

As empresas que prestam serviços de vigilância, segurança e limpeza contam com cerca de 20 mil estabelecimentos espalhados em todo o Brasil, possuindo grande importância para a economia do país. No que tange à área tributária, esses negócios sofrem com o pagamento de tributos sobre a renda, com o gerenciamento de questões previdenciárias e com o aproveitamento de oportunidades fiscais. Para se manterem mais sólidos no mercado, precisam, então, de apoio especializado em matéria tributária, a fim de oxigenar o caixa por meio de estratégias para a economia de recursos, bem como para evitar complicações com o Fisco.

Hospitais, Clínicas e Laboratórios

O setor de saúde, representado principalmente por hospitais, clínicas e laboratórios, possui papel de grande relevância na manutenção da economia brasileira. E no que tange à área tributária, esse setor é marcado por dificuldades principalmente em relação ao gerenciamento da folha de pagamentos e à apuração do IRPJ. Para contornar essas dificuldades, eles precisam procurar por auxílio fiscal especializado, a fim de identificar as oportunidades tributárias que possam não apenas facilitar o manejo das questões previdenciárias, mas também gerar economia.

Mercados e Supermercados

De acordo com o SEBRAE, o varejo alimentar de autosserviço, representado principalmente pelos mercados e supermercados, é um dos segmentos mais relevantes do pequeno empreendedorismo do país, contando com 416 mil negócios ativos. Entretanto, esses negócios lidam com inúmeras dificuldades tributárias em seu dia a dia, com destaque para a manutenção de um cadastro fiscal atualizado e da declaração de impostos sobre produtos monofásicos.

Farmácias, Perfumarias e Revendedoras de Cosméticos

Com mais de 82.617 mil estabelecimentos espalhados pelo Brasil, o setor de farmácias, perfumarias e revendedoras de cosméticos é um dos mais relevantes do comércio nacional atualmente. As farmácias, por exemplo, expandiram o seu escopo de atuação, passando a vender produtos distintos, como itens de beleza e bem-estar, conquistando, assim, um espaço cada vez maior no faturamento mensal dos brasileiros. Já as perfumarias e revendedoras de cosméticos têm crescido em número de estabelecimentos, alcançando uma faixa surpreendente de consumidores. Em nível tributário, contudo, as dificuldades que afetam esse setor podem ser bastante prejudiciais para a saúde financeira dos negócios que dele fazem parte. O alto volume de regras fiscais para lidar e atualizar é apenas um dos exemplos.

Revendedoras de autopeças e pneumáticos

O setor de autopeças no Brasil, que envolve os produtos utilizados pela cadeia automotiva e pela indústria de tratores, máquinas agrícolas e motocicletas, tem crescido muito, inclusive no ambiente do comércio eletrônico. E conforme a frota brasileira envelhece, aumenta a demanda por autopeças e também a tendência de desenvolvimento para os negócios do setor. Entre os desafios que enfrentam, está a dificuldade de acesso à capital, o custo logístico e de infraestrutura, e a alta carga tributária incidente sobre os produtos que comercializam.

Revendedoras de combustíveis e GLP

Dentre os cerca de 40 mil estabelecimentos que compõem o setor de revenda de combustíveis e GLP no Brasil, 70% são classificados como pequenas empresas. E embora esses negócios movimentem a economia nacional de maneira bastante significativa, eles enfrentam uma série de problemas que os impedem de prosperar no mercado. No que tange à área tributária, por exemplo, essas empresas precisam lidar com as altas alíquotas de impostos que incidem sobre seus produtos, tornando-os mais caros e resultando em perda de competitividade. Para reverter essa situação, as revendedoras de combustíveis e GLP precisam se valer de oportunidades tributárias que possam gerar economia e oxigenar o caixa de maneira segura e em curto prazo.

imagem de Vigilância, Segurança e Limpeza imagem de Hospitais, Clínicas e Laboratórios imagem de Mercados e Supermercados imagem de Farmácias, Perfumarias e Revendedoras de Cosméticos imagem de Revendedoras de autopeças e pneumáticos imagem de Revendedoras de combustíveis e GLP
$("form.mailster-form.mailster-form-submit.mailster-ajax-form.mailster-form-4 select#mailster-assunto-select-4").change(function(){ var select = $(this).children("option:selected").val(); $('form.mailster-form.mailster-form-submit.mailster-ajax-form.mailster-form-4').attr('name', select); });